Home > Revisionismo Histórico > Crânios e ossos de supostas valas judaicas não são semitas

Crânios e ossos de supostas valas judaicas não são semitas

Recentes descobertas históricas em Detroit City Bellemont University, dão conta que as alegadas câmara de gás que os sionistas disseram existir em campos de concentração existiram de fato, mas elas eram apenas para cremar corpos de pessoas mortas de tifo e outras doenças contagiosas; perguntaram ao doutor Sven Gorensen se nessas câmaras poderiam ter sido mortos milhões de pessoas e ele sorriu e disse que era milaborante essa hipótese; nessas câmaras não poderiam não poderiam ser cremadas mais do que três pessoas por dia, o que multiplicados pelos dois anos e meio, não daria nem sequer duas mil pessoas em todo o tempo que a guerra durou.

Também o dr Larry Spitzer da mesma universidade declarou que muitas das fotos de pessoas mortas sendo arrastadas por máquinas para as valas comuns não eram de judeus e nem de prisioneiros de guerra, mas sim elementos caucasianos, provavelmente alemães que morreram de peste nos meses seguintes à rendição.

O dr Gorensen, especialista em medicina ortopédica, declarou que milhares dos ossos e crânios que estão nas covas de judeus não são de elementos semitas, mas sim de elementos caucasianos; mas essas notícias a mídia canalha esconde, porque é prejudicial aos israelitas.

No dia em que a verdade triunfar em todo o mundo, e os países sacudirem o jugo judaico-sionista de seus ombros, vai sobrar muito pouco de todos esses mitos sem graça. Aí sim, vai reinar uma paz absoluta.

  1. No comments yet.
  1. No trackbacks yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: